Por que não devo fazer um Transplante Capilar na Turquia?

Tempo de leitura: 5 minutos

O transplante capilar é um procedimento cirúrgico que envolve a transferência de folículos capilares de uma área doadora para uma área receptora do couro cabeludo. É realizado para tratar a perda de cabelo, calvície ou para melhorar a densidade capilar em áreas específicas.
O procedimento de transplante capilar é realizado em várias etapas.
Primeiramente, o cirurgião seleciona uma área doadora, geralmente na parte de trás ou nas laterais da cabeça, onde os folículos capilares são geneticamente resistentes à queda de cabelo. Em seguida, os folículos capilares são extraídos da área doadora, utilizando técnicas como a extração de unidades foliculares (FUE) ou a extração de faixa (strip).
Uma vez que os folículos capilares são removidos, eles são preparados para o transplante. O cirurgião cria pequenos orifícios na área receptora do couro cabeludo e implanta os folículos capilares um a um, seguindo um padrão natural de crescimento capilar. Os folículos capilares transplantados são colocados de forma estratégica para garantir um resultado estético e um aspecto natural.
Após o procedimento, os folículos capilares transplantados começam a crescer em suas novas posições, geralmente dentro de alguns meses. É importante ressaltar que os cabelos transplantados geralmente têm um ciclo de crescimento semelhante ao cabelo original, o que significa que eles podem cair temporariamente após o transplante, mas voltarão a crescer novamente.

O transplante capilar é uma opção permanente para tratar a perda de cabelo, pois os folículos capilares transplantados são geneticamente resistentes à queda de cabelo. No entanto, é importante lembrar que o procedimento não impede a queda de cabelo em outras áreas do couro cabeludo que não foram afetadas pelo transplante.
O objetivo final do transplante capilar é fornecer uma aparência natural e restaurar a aparência do cabelo mais cheio e volumoso. Os resultados do transplante capilar podem variar de pessoa para pessoa, dependendo de vários fatores, como a qualidade dos folículos capilares doadores, a habilidade do cirurgião e os cuidados pós-operatórios adequados. É importante discutir suas expectativas e limitações com um médico especializado em transplante capilar antes de realizar o procedimento.

Por que não devo fazer um Transplante Capilar na Turquia?

Embora a Turquia seja conhecida por oferecer uma grande quantidade de serviços de transplante capilar a preços mais acessíveis em comparação com alguns outros países, há algumas considerações importantes a serem feitas antes de decidir fazer um transplante capilar lá. Aqui estão algumas razões pelas quais algumas pessoas podem optar por não fazer um transplante capilar na Turquia:
  1. Qualificações e experiência variáveis: Embora haja clínicas e cirurgiões altamente qualificados e experientes na Turquia, também há uma ampla gama de estabelecimentos de transplante capilar com diferentes níveis de habilidade e experiência. Algumas clínicas podem não aderir aos mesmos padrões de qualidade e segurança que se encontram em outros países. Portanto, é fundamental pesquisar e selecionar cuidadosamente uma clínica confiável e um cirurgião com comprovada experiência e qualificações.
  2. Risco de cirurgiões não qualificados: Em alguns casos, pode haver cirurgiões não qualificados ou até mesmo pessoas não médicas realizando procedimentos de transplante capilar na Turquia. Isso aumenta significativamente o risco de resultados insatisfatórios, complicações e danos à saúde.
  3. Barreiras linguísticas e comunicação: Nem todas as clínicas e profissionais na Turquia podem ter uma comunicação fluente em inglês ou em outras línguas. Isso pode dificultar a comunicação efetiva com a equipe médica, especialmente durante as consultas e o pós-operatório. A comunicação clara e precisa é essencial para garantir que todas as suas preocupações e expectativas sejam compreendidas e abordadas corretamente.
  4. Dificuldades com o acompanhamento pós-operatório: O transplante capilar requer um acompanhamento cuidadoso após o procedimento para garantir uma recuperação adequada e resultados satisfatórios. Isso inclui visitas de acompanhamento, cuidados com curativos, medicamentos e orientações para o cuidado adequado do couro cabeludo e cabelo transplantado. Para pessoas que residem em outros países, pode ser difícil ou inconveniente realizar esse acompanhamento pós-operatório necessário, o que pode afetar negativamente os resultados finais.
  5. Viagem e estresse adicional: Viajar para outro país para realizar um procedimento cirúrgico pode adicionar estresse adicional, especialmente em termos de planejamento de viagem, adaptação a um novo ambiente e lidar com diferenças culturais e sistemas de saúde. Isso pode não ser adequado para todos, especialmente aqueles que preferem realizar o procedimento em seu próprio país ou localidade.
É importante considerar esses fatores e pesar cuidadosamente os riscos e benefícios antes de decidir fazer um transplante capilar na Turquia ou em qualquer outro lugar. Consultar um médico especializado e confiável em seu país de origem pode ajudar a obter informações e orientações específicas para a sua situação individual.

Instituto Capilar Brasil

O Instituto Capilar Brasil (ICBr) possui uma experiência médica superior a dez anos em terapia capilar e transplante capilar com a técnica FUE, e é coordenado pelo médico dermatologista Marcos Kawasaki (CRMSP: 131391).
A terapia capilar é baseada em fatores de crescimento que garantem um resultado expressivo durante o tratamento. Além disso, o transplante capilar pela técnica FUE não possui cortes e assegura um resultado harmonioso e natural. A duração do procedimento também é algo tranquilo, normalmente o paciente chega pela manhã e ao final do dia já está liberado, sem necessidade de internação hospitalar.
É importante dizer que, após a cirurgia do Transplante Capilar, o paciente é acompanhando mensalmente durante 12 meses. Isso porque o resultado final só é visível com um ano de cirurgia.
Nós possuímos clínicas em Florianópolis, São Paulo, Mairiporã, Atibaia e Bragança Paulista. Entre em contato para saber mais!

Deixe uma resposta